Modelo criada por inteligência artificial ganha mais de R$ 50 mil por mês e faz sucesso no Instagram

Modelo criada por inteligência artificial ganha mais de R$ 50 mil por mês e faz sucesso no Instagram

Quando falamos em modelos de inteligência artificial geralmente estamos nos referindo às LLMs (Large Language Model). Bons exemplos de modelos de IA são o GPT ( que alimenta o ChatGPT e Microsoft Copilot) e o Llama 2, desenvolvido pela Meta. Mas nessa notícia estou me referindo a um modelo um tanto quanto diferente…

Aitana Lopez é uma influenciadora digital espanhola com 125 mil seguidores no Instagram e que ganha cerca de 10 mil euros mensais (equivalente a mais de 50 mil reais) trabalhando com diversas marcas.

Leia também
Música inédita dos Beatles é lançada graças a Inteligência Artificial
Inteligência artificial imagina pôsteres de filmes famosos no estilo Pixar

Embora compartilhe momentos típicos de influencers como café da manhã e idas à academia, Aitana não existe no mundo real. Trata-se de uma criação feita por inteligência artificial.

Aitana surgiu por causa do ego das modelos reais

Aitana Lopez

Ruben Cruz, designer na agência de modelos The Clueless, na Espanha, é o criador de Aitana. A agência enfrentou inúmeros problemas com projetos cancelados devido a problemas com modelos e influenciadores reais. Para evitar mais dor de cabeça, eles decidiram desenvolver uma personalidade virtual própria.

Cruz explica que a criação de Aitana tinha como objetivo reduzir a dependência de modelos reais, que muitas vezes têm demandas complexas e altas expectativas financeiras.

Fizemos isso para melhorar a qualidade de vida e deixar de depender de outras pessoas que possuem egos, manias ou que só querem ganhar muito dinheiro posando”, disse o designer à EuroNews.

A modelo faz publis no Insta, vai em shows e tem até “Onlyfans”

Aitana é capaz de realizar campanhas publicitárias no Instagram e também possui uma conta no Fanvue, plataforma semelhante ao Onlyfans, onde posta conteúdo de natureza erótica.

Segundo Cruz, Aitana pode arrecadar até 10 mil euros por mês, embora a média fique em torno de 3 mil euros (aproximadamente 15 mil reais). Entre seus patrocínios atuais está uma marca espanhola de suplementos, promovida através de stories patrocinados e anúncios com cupons de desconto.

Gerenciar Aitana Lopez requer um trabalho detalhado por parte da equipe da agência, que planeja semanalmente suas atividades e publicações. Os conteúdos são gerados utilizando ferramentas de IA e Photoshop.

Um exemplo recente do trabalho de Aitana é a publicação sobre sua “presença” em um show da banda Blink-182, incluindo uma selfie com uma camiseta do grupo e um vídeo do show. Para quem desconhece sua natureza virtual, Aitana parece ser uma influenciadora de carne e osso. Este é o Instagram da moça, caso queira acompanhar.

Como isso é possível?

Semanalmente, o time da agência se reúne para planejar as atividades e destinos de Aitana, definindo quais experiências ela compartilhará com seus seguidores. Ao invés de sessões de fotos ou trocas de roupas, eles usam inteligência artificial e habilidades em design gráfico, empregando o Photoshop para criar cenários realistas, como um fim de semana em Madrid, por exemplo.

O designer gráfico da equipe revelou que rapidamente perceberam a importância de atribuir uma “vida realista” para Aitana com o objetivo de criar uma conexão com o público. Ele enfatiza que, ao contrário de modelos convencionais que geralmente servem como uma “tela em branco” para os estilistas, Aitana possui uma personalidade bem definida.

Os criadores de Aitana

Aitana foi concebida como uma aficionada por fitness, com uma personalidade determinada e complexa. Em seu site, ela se autodenomina extrovertida e afetuosa. O designer Cruz explica que Aitana foi meticulosamente moldada para refletir os interesses e tendências que a sociedade mais valoriza. Ao estudar as tendências, perceberam a influência crescente da cultura oriental na Europa, o que se reflete no cabelo rosa de Aitana e em seu interesse por videogames.

O êxito de Aitana foi tanto que os criadores já introduziram uma segunda modelo virtual, Maia, descrita como “um pouco mais reservada”. Os nomes Aitana e Maia foram escolhidos intencionalmente, ambos incorporando as iniciais de inteligência artificial (IA) em inglês.

Fonte: EuroNews

Sobre o Autor

Cearense. 34 anos. Apaixonado por tecnologia e cultura. Trabalho como redator tech desde 2011. Já passei pelos maiores sites do país, como TechTudo e TudoCelular. E hoje cubro este fantástico mundo da tecnologia aqui para o HARDWARE.
Leia mais
Redes Sociais:

Deixe seu comentário

X