Elon Musk coloca camas na sede do Twitter para que seus funcionários possam dormir no trabalho

Elon Musk coloca camas na sede do Twitter para que seus funcionários possam dormir no trabalho

O portal de notícias BBC obteve imagens de escritórios do Twitter que foram transformados em quartos. Isso está sendo investigado pelas autoridades de San Francisco como uma possível infração às normas de construção.

Uma foto revela um quarto com cama de casal e armários, além de chinelos. Uma outra foto mostra sofás sendo usados como camas por funcionários. E, de forma irônica, Musk disse que a cidade estava atacando empresas que oferecem camas para os funcionários que estão cansados.

Leia também
5,4 milhões de contas do Twitter são compartilhadas gratuitamente em fórum hacker
Elon Musk revela as principais funções do Twitter 2.0

Próprio Elon Musk tem dormido no Twitter

Sala de conferência improvisada como quarto no Twitter

Um ex-colaborador declarou que o novo CEO do Twitter, Elon Musk, tem se alojado na sede desde a aquisição da companhia. No último mês, Musk enviou um e-mail para todos os funcionários afirmando que eles “precisariam ser extremamente hardcores” para alcançar sucesso. Para cobrar isso dos funcionários, o chefe precisa dar o exemplo, não é mesmo?

O Departamento de Inspeção Predial da cidade de São Francisco, por sua vez, confirmou que está investigando possíveis violações após uma queixa recebida.

Essa não é a primeira vez – e provavelmente não será a última – que Elon Musk cobra uma postura radical de seus funcionários no Twitter. Em outubro, pouco tempo depois de ter confirmado a compra da rede social, ele enviou um e-mail para todos os funcionários dizendo que eles precisariam trabalhar “longas horas em alta intensidade”.

Medida preocupa autoridades locais

Funcionários levaram até guarda-roupas

Na quarta-feira, o senador da Califórnia, Scott Wiener, disse à BBC: “Ele agora está fazendo com que eles [trabalhadores] durmam no Twitter. É evidente que ele realmente não se importa com as pessoas. Ele não se importa com os indivíduos que trabalham para ele.” Além disso, o Departamento de Inspeção Predial disse à CBS News: “Precisamos assegurar que o edifício esteja sendo utilizado com a finalidade proposta“.

A Forbes, outro veículo de grande alcance, publicou uma reportagem falando sobre os “tristes quartos minúsculos para dormir em uma sala de reuniões na sede recentemente desocupada da empresa“. A revista observa que esta é uma suposta melhora em comparação com o que era usado antes. Ou seja, um saco de dormir no chão.

Os quartos, segundo a Bloomberg, também acomodam funcionários da Tesla e de outras companhias de propriedade de Musk que foram enviados para trabalhar no Twitter. “Alguns dos quais vão ao Twitter para reuniões de trabalho”, disseram fontes à publicação.

Sofás também estão sendo usados como cama

O funcionário do Departamento de Inspeção Predial, Patrick Hannan, disse ao San Francisco Chronicle que investigou todas as queixas e que havia normas diferentes para edifícios residenciais, mesmo aqueles usados para estadias de curta duração.

Em maio de 2020, antes da compra de Musk, o Twitter havia informado aos empregados que eles poderiam trabalhar de casa “permanentemente” se quisessem, pois suas medidas de trabalho remoto durante as restrições da covid tinham sido bem-sucedidas. No entanto, no mês passado, Musk declarou que o trabalho remoto chegaria ao fim.

Fonte: BBC

Sobre o Autor

Cearense. 34 anos. Apaixonado por tecnologia e cultura. Trabalho como redator tech desde 2011. Já passei pelos maiores sites do país, como TechTudo e TudoCelular. E hoje cubro este fantástico mundo da tecnologia aqui para o HARDWARE.
Leia mais
Redes Sociais:

Deixe seu comentário

X