Apple ultrapassa Microsoft e se torna empresa mais valiosa do mundo depois do anúncio de IA

Apple ultrapassa Microsoft e se torna empresa mais valiosa do mundo depois do anúncio de IA

Na última quarta-feira, depois de alguns dias que atingiu o terceiro lugar da lista, a Apple reafirmou sua posição como a empresa mais valiosa do mundo, superando a Microsoft e retomando o primeiro lugar no mercado global.

O feito foi conquistado principalmente por causa do avanço da Apple na corrida em tecnologia de inteligência artificial (IA), uma área que vem sendo foco de intensas competições entre gigantes da tecnologia.

Leia também:

Nvidia ultrapassa a Apple e se torna segunda empresa mais valiosa do mundo
Apple Intelligence é a nova IA da empresa, lançada na WWDC 2024

Valorização e impulsionadores de crescimento da Apple

Apple Intelligence alavancou as ações da empresa

As ações da Apple (AAPL.O) tiveram uma alta de quase 4%, atingindo um recorde histórico de $215,04 por ação. Isso elevou a avaliação de mercado da empresa para $3,29 trilhões. Em contraste, a capitalização de mercado da Microsoft (MSFT.O) caiu para $3,24 trilhões, colocando a empresa atrás da empresa pela primeira vez em cinco meses.

Essa valorização das ações da Apple ocorreu simultaneamente ao recorde atingido pelo Nasdaq, fortemente concentrado em tecnologia, devido a novos sinais de desaceleração da inflação.

Um dos principais impulsionadores desse crescimento foi o recente anúncio da Apple durante sua conferência anual de desenvolvedores. A empresa revelou uma série de novos recursos habilitados por IA e aprimoramentos de software para seus dispositivos. Um dia depois do anúncio já houve um aumento de 7% das ações da empresa, e por isso os analistas acreditam que essas novidades impulsionarão as vendas do iPhone ainda mais.

Na conferência, executivos, incluindo o CEO Tim Cook, demonstraram como o assistente de voz Siri será capaz de interagir de maneira mais inteligente com mensagens, e-mails, calendários e aplicativos de terceiros. “Todas aquelas questões sobre a Apple estar atrás em tecnologia de IA foram respondidas na Worldwide Developers Conference”, afirmou Michael James, diretor administrativo de negociação de ações na Wedbush Securities em Los Angeles.

Comparações com rivais

Apesar de estar atrás de concorrentes como Microsoft e Alphabet, dona do Google (GOOGL.O), no desenvolvimento de IA, a Apple começou a reverter essa tendência. As preocupações sobre o fraco desempenho das ações da empresa diminuíram após a empresa superar as expectativas do mercado para os resultados trimestrais e previsão em maio, além de anunciar um plano de recompra recorde de $110 bilhões.

Até agora, em 2024, as ações da Apple subiram cerca de 12%. Em comparação, a Microsoft teve um aumento de aproximadamente 16%, enquanto a Alphabet quase 28%. A Nvidia (NVDA.O), líder em chips de IA, que brevemente ultrapassou a Apple em valor de mercado na semana passada, subiu impressionantes 154% este ano. A última avaliação de mercado da Nvidia foi de $3,11 trilhões.

Dentro do grupo “Magnificent Seven”, que inclui as principais empresas de tecnologia, a Apple não foi a única a enfrentar desafios. A Tesla (TSLA.O) é a única outra empresa do grupo que teve um desempenho pior do que a empresa da Maçã este ano, com uma queda de cerca de 30% em suas ações.

Essa retomada da posição de liderança pela Apple mostra que a empresa ainda tem formas de continuar crescendo e superar esses desafios, principalmente com estratégias de inovação e investimento em IA. Com as novas funcionalidades de IA e um plano robusto de recompra de ações, a Apple está bem posicionada para manter seu domínio no mercado global de tecnologia.

Fonte: Reuters

Sobre o Autor

Redes Sociais:

Deixe seu comentário

X