TikTok confirma que funcionários da China podem acessar os dados de usuários dos EUA

TikTok confirma que funcionários da China podem acessar os dados de usuários dos EUA

A administração do TikTok confirmou que alguns funcionários fora dos Estados Unidos podem de fato ter acesso aos dados pessoais de usuários americanos. A declaração deu origem a outra onda de descontentamento por parte de Washington.

O TikTok divulgou o verdadeiro estado das coisas em resposta a uma solicitação de nove senadores dos EUA que estavam focando nos seguintes aspectos no trabalho da rede social. O acesso de funcionários chineses a dados de usuários dos Estados Unidos, o papel desses funcionários na formação de algoritmos de recomendação da rede social, e também o acesso das autoridades chinesas a esta informação.

 

O CEO do Tik Tok, Shou Zi Chew, disse em (30) de Junho que os funcionários chineses da empresa podem realmente acessar os dados pessoais de usuários dos EUA no momento, mas somente depois de passarem por uma série de verificações de protocolo de segurança. O governo chinês não obtém os dados sujeitos a controles rígidos para proteção contra ameaças cibernéticas.

O TikTok lembrou que está trabalhando em estreita colaboração com o governo dos EUA para fortalecer a proteção de dados. Não faz muito tempo, foi lançada uma iniciativa, codinome “Project Texas”, na qual os dados de usuários americanos eram localizados nos Estados Unidos na infraestrutura de nuvem da Oracle. 

No futuro próximo, a parte técnica da plataforma também passará para o segmento americano do serviço. A operação de todos os algoritmos relacionados aos americanos será fornecida pelos data centers do país.

A resposta do serviço chinês só aumentou a insatisfação dos legisladores de Washington. Em particular, a senadora Marsha Blackburn disse que as explicações da administração da plataforma confirmaram suas preocupações e que a empresa chinesa deveria ter dito a verdade desde o início, sem tentar mantê-la em segredo.

Fonte: Gizchina

Sobre o Autor

Redes Sociais:

Deixe seu comentário

X