Entenda por que vale a pena um monitor 4K [VÍDEO]

Por: Acer
Entenda por que vale a pena um monitor 4K [VÍDEO]

Quando falamos de monitores há diversas ofertas no mercado, variações não só de preço, mas também das suas diversas tecnologias empregadas, entre elas a resolução. Esteja você buscando uma tela para melhorar o consumo de mídia, a realização de tarefas relacionadas a criação, ou até mesmo jogar, a resolução é um ponto sensível que deve ser avaliado com cuidado. 

As ofertas de telas com resolução 4K aumentou consideravelmente nos últimos anos. A Acer, evidentemente, acompanhou essa evolução e oferece algumas opções bem interessantes com essa resolução.  

Neste artigo iremos comentar sobre alguns pontos importantes para que você está em dúvida sobre a compra de um monitor com resolução 4K. 

Uma passada rápida sobre o 4K 

Bom, assim como o Full HD, o 4K ou Ultra HD, é um padrão de alta definição. Enquanto no Full HD estamos tratando de uma imagem com 1920 pixels de largura e 1080 pixels de altura, o 4K eleva isso para 3840 pixels de largura e 2016 pixels de altura. Essa resolução é classificada como 4K UHD (Ultra HD), já que também temos também o padrão 4K para o Cinema, em que a resolução é de 4096 pixels x 2160 pixels.  

Quando falamos de monitores e TVs o mercado se concentra no UHD. O Ultra High Definition garante o dobro de resolução do Full HD e quatro vezes mais pixels (8.294,400 pixels no UHD e 2,073.600 pixels no Full HD).  

Mas o que esses essa diferença considerável nos números garante na prática? Como estamos tratando de um salto de pixels preenchendo uma área ganhamos ainda mais detalhes. Por exemplo, em filmes, uma produção na resolução 4K consegue entregar bem mais imersão ao expectador, justamente por entregar cenas bem mais ricas em detalhes.  

Diferentemente de alguns anos atrás em que a oferta de conteúdo em 4K era limitada, hoje o consumidor pode desfrutar de um leque de opções cada vez mais variado, e sem ficar restrito a dependência de mídias físicas, já que plataformas de streaming como a Netflix contam com diversas produções em 4K. É claro, que como estamos falando de streaming, ter uma conexão de alta velocidade e estável é essencial para preservar uma boa qualidade de transmissão. 

O 4K já lidera a indústria quando falamos de resolução. Dados da empresa de consultoria Statista revela que em 2019 a resolução 4K foi responsável por 53,5% do mercado, enquanto o Full HD ficou com 46,3%. 

Essa virada tem relação com a queda nos preços das telas com resolução 4K, panorama que abre margem para que o consumidor consiga pensar numa nova TV ou monitor nesta resolução. 

A busca pelo monitor 4K 

Falando especificamente sobre monitores, é importante que você fique de olho em alguns parâmetros quando estiver buscando um modelo nesta resolução. Primeiramente é entender o seu perfil como usuário. Monitores 4K podem ser distribuídos entre formas específicas de uso, como telas mais simples, apenas para o consumo de mídia, edição e criação de conteúdo profissional ou até mesmo jogos. 

Dependendo do seu objetivo a atenção por alguns parâmetros muda um pouco. Por exemplo, se o seu objetivo é um monitor para criação de conteúdo profissional ficar de olho em um amplo espaço de cor sRGB, Adobe RGB e DCI-P3 é muito importante, assim como um valor de Delta 3 baixo (de preferência >1) já que garante ainda mais precisão de cores. A linha ConceptD da Acer atende esse tipo de público. 

Mas claro que esse é um caso bem específico, na grande maioria dos casos o consumidor está buscando uma tela que seja boa para todos os momentos. Uma opção da Acer neste caso é o Acer Nitro XV280K. 

Este modelo tem painel IPS de 28 polegadas com resolução 4K UHD, 4ms de tempo de resposta e suporte à tecnologia de sincronia adaptativa da AMD, o FreeSync. Esta tecnologia sincronia a taxa de quadros gerados pela placa de vídeo com a taxa de atualização do monitor (que neste caso é de 60 Hz), isso garante uma experiência de jogo ainda melhor, já que elimina alguns problemas como o famoso screen tearing, os rasgos de quadro, causados pelo desencontro entre quadros prévios e os novos que estão sendo gerados. 

Também vale destacar que este modelo quase não tem bordas na lateral, entregando uma relação corpo x tela ainda mais interessante. 

Como você deve ter percebido, mais acima comentamos que este modelo utiliza painel IPS. O tipo de painel utilizado é uma característica importantíssima e que você deve ficar de olho, já que cada tipo de painel carrega prós e contras.  

Vamos a um resumo sobre cada um. Painéis IPS costumam entregar boa fidelidade de cores e ângulos de visão, mas perdem no contraste. Os painéis TN têm excelente tempo de resposta, mas em cores, por exemplo, acabam ficando aquém. Os painéis VA são excelentes em contraste, mas perdem em ângulo de visão.  

Embora a maior oferta em termos de taxa de atualização ainda esteja com os monitores Full HD, já é possível encontrar monitores 4K que vão bem além dos 60 Hz, como o Acer Predator XB3, porém, é importante frisar que uma maquina bem robusta é necessária para manter uma resolução alta somada a essa taxa de atualização. 

Caso seu objetivo seja desfrutar de games na resolução 4K, além do monitor, você precisa estar atento em relação a configuração da sua máquina, para se certificar que o PC irá dar conta do recado em rodar um game numa resolução tão alta. Uma alternativa é utilizar o monitor com consoles, o Xbox One X oferece alguns jogos nativos nessa resolução, e o PS4 Pro, via checkboard, também entrega games em 4K. Com a nova geração de consoles, PS5 e Xbox One X, ambos irão rodar jogos em 4K de forma nativa. 

Outra vantagem de um monitor 4K é que você pode investir sem medo em telas maiores, como a fonte terá um conteúdo com muito mais pixels, você não terá degradações como aconteceria numa Full HD com o mesmo tempo. Para aproveitar ainda mais o campo de visão você pode ficar de olho também nos monitores 4K ultrawide, com relação de aspecto de 21:9. 

Além da resolução em si, o suporte a tecnologias como HDR10 e Dolby Vision também devem estar na sua lista de observações, principalmente se você tem como prioridade o consumo de conteúdo em vídeo com suporte a esses padrões de grande alcance dinâmico. É impressionante como o HDR tem o potencial de transformar o conteúdo. A diferença em termos de alcance dinâmico de cores é muito significativa em relação aos conteúdos SDR. 

Sobre o Autor

Fundada em 1976, a taiwanesa Acer é uma empresa de tecnologia dedicada à concepção, venda e suporte de produtos inovadores que melhoram a vida das pessoas e as mantém atualizadas e conectadas. Com cerca de 7 mil funcionários, a Acer engloba desde tecnologia ligada à Internet das Coisas para jogos a realidade virtual, com equipe dedicada à pesquisa, design, marketing, venda e suporte de produtos e soluções que quebram barreiras entre pessoas e tecnologia. No Brasil, a Acer está presente há 11 anos e encontra-se entre as líderes em faturamento e volume de vendas no varejo. Com sua linha atual de produtos focada em notebooks, monitores, projetores e acessórios para diversos tipos de uso, a Acer possui equipamentos com alta performance, design com conteúdo e recursos eficientes e inovadores para o gamer, designer, educadores, escritórios e uso doméstico.
Leia mais
Redes Sociais:

Deixe seu comentário

X