Telegram: plano grátis agora permite transcrever áudios

Telegram: plano grátis agora permite transcrever áudios

O Telegram lançou nesta quinta-feira (30) uma série de atualizações importantes em suas funcionalidades, visando aprimorar a experiência do usuário e fortalecer sua posição no competitivo mercado de aplicativos de comunicação, onde o nome mais proeminente é o WhatsApp.

Leia também
Hackers criam Telegram falso para disseminar malware e roubar dados
Telegram remove mensagem contra PL das Fake News e evita nova suspensão no Brasil

Transcrição de áudio grátis, mas com limitações

Dentre as novidades, destaca-se a liberação da ferramenta de transcrição de áudio para todos os usuários do aplicativo. Anteriormente, este recurso estava disponível apenas para os assinantes do Telegram Premium, que custa R$ 12,49 mensais quando assinado pelo computador e até R$ 24,90 se contratado pelas lojas de aplicativos.

Transcrição de áudio no Telegram

Agora, mesmo aqueles que não possuem a versão paga podem usufruir dessa funcionalidade, embora com algumas restrições: usuários do plano gratuito têm um limite de duas transcrições de mensagens de áudio por semana. É pouco? É pouco, mas pelo menos ele pode experimentar a ferramenta sem custo algum.

A transcrição de áudio é útil especialmente em situações onde não é possível ouvir mensagens de áudio, como durante reuniões ou em ambientes barulhentos. Além disso, se a pessoa enviar um áudio muito longo, você pode pedir para o Telegram transcrever. Para quem prefere ler, como eu, pode ser um uso interessante para a ferramenta.

A possibilidade de transcrever áudios em texto torna a comunicação mais acessível e eficiente. Além disso, o Telegram oferece uma alternativa para contornar o limite imposto aos usuários gratuitos, por meio de bots independentes, como o Transcriber Bot, que pode ser utilizado para a mesma finalidade.

Outras novidades anunciadas

Outra novidade anunciada pelo Telegram é a introdução da ferramenta “Similar Channels” (Canais Similares), que sugere ao usuário canais semelhantes ao que ele acabou de entrar, baseando-se nos interesses dos usuários inscritos.

Esta funcionalidade facilita a descoberta de novos conteúdos e comunidades dentro do aplicativo, enriquecendo a experiência de navegação e interação dos usuários. No entanto, um efeito colateral dos “Canais Similares” pode ser inserir a pessoa ainda mais dentro da sua bolha, evitando que ela se depare com ideias e opiniões diferentes das que ela está acostumada a consumir.

Outras novidades anunciadas pelo Telegram estão a capacidade de republicar stories, adicionando textos, áudios ou vídeos, e permitindo visualizar estatísticas de desempenho dos canais, como número de visualizações, compartilhamentos e reações.

Para os assinantes do plano Premium, o Telegram continua oferecendo benefícios exclusivos, como limites expandidos de canais (1.000 canais), pastas e conversas (20 pastas e 10 conversas fixadas), anexos de até 4 GB, downloads mais rápidos, gerenciamento avançado de chats, 4 contas no mesmo dispositivo e uma experiência sem anúncios, além de recursos adicionais como cores personalizadas para nomes e perfis e papéis de parede compartilhados.

Estas são apenas as novidades mais relevantes. Há uma série de outras funções e recursos “menos importantes”, tais como: Mensagens de vídeos nos stories, papéis de parede para conversas individuais, reações personalizadas para canais, destaque na sintaxe de códigos, melhorias para os tópicos e o efeito do Thanos para no aplicativo para iPhone.

Fonte: Telegram

Sobre o Autor

Cearense. 34 anos. Apaixonado por tecnologia e cultura. Trabalho como redator tech desde 2011. Já passei pelos maiores sites do país, como TechTudo e TudoCelular. E hoje cubro este fantástico mundo da tecnologia aqui para o HARDWARE.
Leia mais
Redes Sociais:

Deixe seu comentário

X