Audible: Amazon se prepara para lançar serviço de audiolivros no Brasil

Audible: Amazon se prepara para lançar serviço de audiolivros no Brasil

Pouco a pouco a Amazon vai estendendo os seus tentáculos no mercado brasileiro. Depois de dominar o segmento de livros, se tornar um forte player no varejo e lançar o seu cartão de crédito no Brasil, a gigante do varejo está se preparando para trazer sua plataforma de audiolivros, a Audible.

Embora ainda não esteja oficialmente disponível, a página de testes da Audible já pode ser acessada. A mensalidade é de R$ 19,90, conforme indicado no portal.

Leia também
Amazon Prime Video vai começar a mostrar propagandas
Novidades da Amazon: novo Fire TV Stick, Echo Show 8 e Alexa “turbinada” com inteligência artificial

Audible ainda está em fase de testes no Brasil

A novidade tem sido amplamente discutida nas redes sociais, especialmente entre os amantes da literatura. Além disso, a Audible está ofertando até três meses de teste grátis para membros Prime. Mas para aproveitar o período de teste estendido, é necessário se cadastrar durante esta fase inicial de lançamento, onde ajustes ainda estão sendo realizados.

Audible

A página disponibilizada destaca que a plataforma está em fase de testes. Uma nota alerta que “Nem todos os recursos e títulos estão disponíveis“. A empresa informou que o lançamento oficial e com todos os recursos será feito em breve, mas sem especificar quando.

Mesmo assim, os usuários são incentivados a experimentar o serviço gratuitamente por, no mínimo, 30 dias. A ideia dos audiolivros é permitir que os usuários desfrutem de obras literárias em formato de áudio enquanto fazem outras atividades. “Deixe-se levar enquanto se desloca de um lugar a outro” e “aprenda algo novo enquanto realiza suas tarefas diárias“, sugere a Audible.

Há também uma menção sobre como os audiolivros podem ser uma pausa das telas, referindo-se a smartphones e, possivelmente, ao Kindle, produto da própria Amazon.

O que sabemos sobre a Audible até agora?

Ainda não temos todas as informações sobre a Audible no Brasil, mas o site menciona acesso a mais de 100 mil obras em vários idiomas.

Dentre os títulos em destaque estão obras como A Sabedoria da Transformação (Monja Coen), Dom Quixote de la Mancha (Miguel de Cervantes) e O Alquimista (Paulo Coelho). Muitos possuem o selo “Only from Audible”, indicando exclusividade.

O app da Audible permite acompanhar o progresso da “leitura”, baixar obras e oferece 30% de desconto em compras adicionais. Por exemplo, o conhecido livro A Sutil Arte de Ligar o F*da-se tem o preço de R$ 41,99 para membros. é um preço bem salgado, é verdade, mas a mensalidade de R$ 19,90 pode ser mais acessível para quem quer consumir mais livros mas não tem tempo de sentar e se dedicar exclusivamente à leitura.

O aplicativo da Audible tem alguns recursos úteis. É possível baixar o áudio do livro para ouvir mesmo quando se está offline. Ele sincroniza automaticamente com todos os dispositivos conectados, para que você possa continuar de onde parou. Há uma função também de marcação, caso você queira destacar um trecho interessante da obra. E você também pode aumentar a velocidade de leitura, embora eu não ache esta opção tão útil assim.

Mercado de audiolivros no Brasil

Fundada em 1995 nos EUA e adquirida pela Amazon em 2008, a Audible parece escolher o Brasil como seu ponto de entrada na América Latina, considerando sua presença em outros países.

A Audible terá que competir com a Storytel, de origem sueca, e a nacional Tocalivros. Ambas cobram R$ 19,90 mensais, igual à proposta da Amazon, com períodos de teste variando entre 7 e 15 dias.

Sobre o Autor

Cearense. 34 anos. Apaixonado por tecnologia e cultura. Trabalho como redator tech desde 2011. Já passei pelos maiores sites do país, como TechTudo e TudoCelular. E hoje cubro este fantástico mundo da tecnologia aqui para o HARDWARE.
Leia mais
Redes Sociais:

Deixe seu comentário

X