blank blank

Black Friday 2015 movimenta R$ 1,5 bilhão em vendas

Black Friday 2015 movimenta R$ 1,5 bilhão em vendas

O ano de 2015 para a grande maioria dos brasileiros tem sido simplesmente devastador. A crise econômica está atingindo diversos setores e causando um nível de desemprego preocupante. Porém, mesmo com todas essas dificuldades que acabam afetando diretamente o poder de compra, a Black Friday, que aconteceu na última sexta-feira (27), mais uma vez teve  um resultado impressionante. De acordo com a ClearSale que, em parceria com o BuscaDescontos gerencia o site Black Friday.com.br, diz que a edição 2015 dessa grande ação comercial somou cerca de R$ 1,53 bilhão em vendas, um aumento de 57% em relação a edição do ano passado, que movimentou R$ 978 milhões.

Deste grande montante, os eletrodomésticos movimentaram a maior fatia, R$ 370 milhões, seguido pelos celulares, com R$ 327  milhões. Eletrônicos ficaram com R$ 240 milhões, itens de informática com R$ 146 milhões e móveis com R$ 74 milhões.

Foram realizados 3,122 milhões de pedidos ao preço médio de 492 reais, enquanto no ano anterior foram 2,092 milhões de encomendas, a um valor médio de 416 reais.

Como de praxe, algumas lojas espertinhas deram o ar da graça, mantendo a tradição dos problemas ligados aos descontos durante a Black Friday. De acordo com o Procon-SP, os maiores problemas (26%) ficaram à cargo da maquiagem de desconto, isto é, o fornecedor eleva o preço do produto antes de anunciar a promoção. 

No Ceará, o Procon de Fortaleza autuou 11 estabelecimentos devido às fraudes em produtos. Em uma das lojas, um ferro de passar roupa teve seu preço aumentado de R$ 157,90 para R$ 168,49

No RJ, o Procon também se fez presente, lojas como o Submarino, Americanas.com, Hotel Urbano e até o Norte Shopping, apresentaram irregularidade. Dentre aos problemas citados, estavam, por exemplo, a maquiagem de preço, no caso do Submarino. Com a Americanas.com houve alguns entraves em relação à geração do boleto bancário. Um Galaxy Note 4 estava com o preço anunciado de R$ 1.709,05 para pagamento via boleto, porém, quando o documento era gerado o preço registrado era de R$ 1.803,99.

Você aproveitou alguma promoção da Black Friday? Deixe seu comentário abaixo.

Fonte: Procon-SP, G1

Sobre o Autor

Editor-chefe no Hardware.com.br, aficionado por tecnologias que realmente funcionam. Segue lá no Insta: @plazawilliam
Leia mais
Redes Sociais:

Deixe seu comentário