Artigo: GoboLinux? Que distro é essa?

Como afirmei em outra notícia, “hoje no mundo Linux, a principal dúvida é com relação à distribuição que devemos usar. Alguns acabam sendo levados pela maioria, enquanto outros procuram por distros que espelham a sua personalidade, outros ainda preferem as mais técnicas e alguns as mais fáceis”. O GoboLinux é uma distribuição nacional, muito bem documentada e que, embora não seja tão popular, possui uma excelente qualidade. Ela, em comparação com outras distribuições, possui um grande diferencial: a estrutura de diretórios.

Apresentando esta distribuição, Bruno de Jesus Barreira Pereira publicou dois artigos chamados “GoboLinux? Que distribuição é essa? (Parte 1- Primeiros contatos)” e “GoboLinux? Que distro é essa? (Parte 2 – Instalação)”, no site Viva o Linux. Leia a descrição da primeira parte:

“Como meu primeiro artigo, decidi escrever sobre GoboLinux, uma distribuição que possui uma particularidade: a forma como os arquivos estão organizados no computador.”

E a segunda:

“Neste artigo, dando sequência ao artigo que fala sobre GoboLinux, abordarei a instalação desta distro no HD.”

Introdução da primeira parte:

“Gobolinux é uma nova distribuição criada por Hisham Muhamad e equipe. Atualmente está na versão 0.14, disponível em Live CD. Ela deriva do trabalho feito a partir da documentação do Linux From Scratch, acrescentando uma estrutura de diretórios novo e organizado.

Apesar da nova organização da árvore ser diferente, o sistema mantém a tradicional estrutura, apesar de estar mantida oculta. O modo como a árvore está organizada, permite um maior controle na instalação de programas, isolando cada um em seu próprio diretório. Explicarei nos tópicos seguintes meus primeiros contatos com esta distro.”

Introdução da segunda parte:

“Dando continuidade ao artigo que fala sobre GoboLinux, falarei sobre a instalação desta distro no HD. O passo-a-passo foi feito analisando ao máximo possível os detalhes e alguns problemas que tive com este procedimento.

Tive um trabalho maior para fazer o sistema iniciar em dualboot com o Windows, então adotei ao invés do GRUB o bootloader do Windows para tal. Deixei o passo-a-passo que fiz para quem teve dificuldade nesse ponto. Isto deve ser feito com muito cuidado, pois um erro pode comprometer a inicialização do outro sistema operacional, além do GoboLinux.”

O primeiro artigo está dividido entre as seguinte seções:

  1. Que distro é essa?
  2. A nova árvore de diretórios
  3. Gerenciando seus programas

E o segundo possui as seguintes:

  1. Introdução (Importante ler antes de tudo)
  2. Instalando os programas e configuração de bootloader
  3. Configuração de usuários
  4. Após os preparativos, a instalação propriamente dita
  5. Dificuldades encontradas e solução de problemas

Veja os artigo completos em:

http://www.vivaolinux.com.br/artigos/verArtigo.php?codigo=8306

http://www.vivaolinux.com.br/artigos/verArtigo.php?codigo=8305

Sobre o Autor

Redes Sociais:

Deixe seu comentário

X