blank blank

Chipsets da Uli

Embora menos comuns, temos também os chipsets da ULi (Antiga Ali), usados exclusivamente em placas de baixo custo. O primeiro chipset da linha foi o Aladdin-P4, um chipset destinado à safra inicial de
processadores Pentium 4, que suportava apenas as versões com bus de 400 MHz. Ele foi rapidamente substituído pelos chipsets Ali M1681, Ali M1683 e M1685, que constituem a safra mais atual.

O M1681 é a versão mais antiga, que oferece suporte aos processadores com bus de 400 e 533 MHz, memórias DDR-400, até um máximo de 3 GB de memória e AGP 8x. O M1683 inclui suporte aos processadores com bus de 800 MHz e passou a suportar
até 4 GB de memória, enquanto o M1685 inclui suporte a memórias DDR2 e PCI Express.

Os três chipsets utilizam um barramento HyperTransport como meio de ligação entre a ponte norte e ponte sul do chipset, sendo que o M1681 e o M1683 utilizam um link de 400 MB/s, enquanto o M1685 utiliza um link de 800 MB/s.

Existe uma certa polêmica com relação ao real ganho de utilizar barramentos mais rápidos para interligar a ponte norte e sul do chipset. É comprovado que utilizar um barramento rápido qualquer (seja o Intel AHA, V-Link, MuTIOL, A-Link ou
HyperTransport) oferece ganhos substanciais com relação a utilizar o barramento PCI, como era feito nos chipsets antigos, pelo simples fato do barramento PCI ser realmente lento demais para acumular todas as transferências de dados das portas IDE e SATA,
rede, som e todos os demais componentes onboard, além de toda a comunicação interna do chipset.

Somando as taxas máximas de transferência das duas interfaces IDE, duas interfaces SATA e todos os demais periféricos integrados, que (com exceção da rede gigabit utilizada nos chipsets Intel da série i865) são todos integrados à ponte sul do chipset,
você obteria algum valor elevado, próximo da marca de 1 GB/s. Entretanto, não existe situação prática onde todas as interfaces sejam utilizadas simultaneamente. Para isso, seria necessário que você tivesse instalados 8 HDs topo de linha (4 IDE e 4 SATA) e
escrevesse algum tipo de programa de benchmark que utilizasse todos os HDs, rede e som simultaneamente.

Na prática, é raro que a soma do barramento utilizado pelos componentes integrados à ponte sul do chipset ultrapasse a marca dos 200 MB/s em um dado momento. Os fabricantes atualizam o barramento de interligação entre os dois chips conforme novas
tecnologias ficam disponíveis e, na medida do possível, tentam utilizar isso como ferramenta de marketing, mas, na prática, migrar de um barramento HyperTransport de 800 MB/s para um de 1600 MB/s, por exemplo, não traz nenhum ganho significativo de
desempenho nessa situação específica, já que o excesso de banda simplesmente não é utilizado.

Sobre o Autor

Redes Sociais:

Deixe seu comentário