Em 2009, um terço dos netbooks vendidos são com Linux

  1. Equipe GdH
    Em 2009, um terço dos netbooks vendidos são com Linux
    Durante esse meio tempo em que os netbooks se tornaram um sucesso, vimos várias notícias sobre a ascensão do Linux neste mercado. E, para não deixar ninguém na dúvida, tanto a ABI Research quanto a Dell confirmaram: cerca de um terço desses computadores atualmente estão sendo vendidos com Linux pré-instalado...

    Leia a notícia completa: https://www.hardware.com.br/noticias/2009-12/4B1EC420.html
  2. Bertotto
    Instalado mal e porcamente (muitas vezes sem drivers e com teclado não configurado). Isso está longe do que eu quero ver do linux. Gostaria de ver o linux num outro cenário... Principalmente aos olhos dos users leigos.
  3. foca
    Uma outra pesquisa independente tinha mostrado que dos Notebooks vendidos com Linux 70% era migrado para Windows porque o usuário queria o mesmo sistema que rodava nos Desktop e em outra pesquisa dizia que 63% de quem compra Netbook não sabia que ele supostamente não era para ser usado como sistema principal em substituição a um Notebook ou a um desktop.

    Minha irmã mesmo tá me irritando para ir com ela na Fnac para ela comprar um notebook, mostrei que com o dinheiro que ela tem dá para comprar só um netbook, mas ela nem sabe o que é, e achou bonitinho porque é pequeno, mostrei para ela um Core 2 duo pelo mesmo valor no Mercado Livre, mas ela não quer porque é usado, fazer o que?
    Amanha vamos lá para ela comprar um Lenovo.
  4. CyberMaximus
    Interessante essa sua informação foca, seria bom vc postar a fonte tbm, mas acredito que está incorreta, acredito que o valor é maior, a grande maioria muda de sistema ou compra o com Linux só pq o preço é menor devido a licença, e depois bota o pirata.
    Aqui onde moro as lojas até já vendem ele com o Win pirata pra arrumar mais clientes.
  5. Bertotto
    Além de não perceberem a diferença de um desktop pra um note, e de um note para um net, miuta gente não percebe a diferença deles nem mesmo para um celular.

    É obvio que as distros linux são usadas como zumbi para não vender o PC sem SO.
  6. foca
  7. Bertotto
    Sobre o link amigo Foca, meu Aspire One ZG5 tá rodando seven 32bit (to usando ele agora)
  8. icefly
    Linux tinha bastante participação quando essa onda de netbooks começou, mas hoje em dia a imensa maioria dessas máquinas é vendida com Windows mesmo.
    E concordando com o link do foca basta dar uma passeada na loja online de qualquer grande magazine pra ver que a maioria vem com Windows pré instalado, pelo menos aqui no Brasil.
  9. trx64
    Quanto à 70% de troca, acho um pouco difícil, já que a maioria dos netbooks nem tem drive de CD. No Brasil pode ser por aí, devido à pirataria, mas eu não acho que alguém compre um netbook e depois uma licença do Win (custa quase tanto quanto o net...).

    Quanto aos 95% de mercado do Windows em netbooks, isso foi afirmado em uma pesquisa da Microsoft, então não é um resultado muito imparcial :D.
  10. Volzen
    Um dos grandes problemas que o Linux encontrava no passado era a falta de compatibilidade com o hardware. Hoje, com o Linux vindo instalado de fábrica, os montadores dão prioridade para o hardware compatível com o sistema (placas de som, áudio, vídeo, webcam, etc). Mesmo que o comprador do netbook, notebook ou pc venha a substituir o sistema Linux pelo Windows, do ponto de vista de um entusiasta do software livre, isso é irrelevante em um primeiro momento.
    O que importa é que o Linux está vindo instalado, dando a chance de ser visto e testado.
  11. JOMARUMU
    Por isso que a M$ quer acabar com o termo Netbook, vende com linux, depois ainda retiram esse sitema e poe um windows pirata.
    Tem netbook que vem com windows CE, prova que a M$ não investe nesse tipo de computador, e está sendo prejudicada por isso.
  12. junior_mcz-al
    Sem duvida alguma qdo alguem me pergunta sobre a compra de um netbook indico com linux ... Porque?

    Aki mesmo no GdH saiu uma materia sobre os netbooks q vinham com XP nao terem 2GB de memoria.

    Agora se depois vao ou nao detonar o linux pra por windows, lavo minhas maos.

    Alias os fabricantes ja fazem de proposito ... ter dois OS, um no desk e outro no net, ja eh complicado por conta dos programas e/ou compatibilidades. Pra piorar a migraçao win --> linux costuma enfrentar resistencias. Some-se a isso o fato do linux nao ser voltado ao usuario domestico tanto qto o windows. Por fim colocam um linux capenga q pede pra ser substituido ... ai eh o fim da picada.

    Pow nem mesmo sendo free o linux eh usado de forma digna, pq eles nao vendem logo sem OS, assim nao causava ma impressao.
  13. junior_mcz-al
    Ja esclarecendo a complicaçao:

    quem pirateia win vai piratear office (entre outros), entao nao vai querer usar broffice nos dois, por exemplo. O raciocinio se aplica aos demais programas.
  14. Inocullate
    Fabricante se importando com o SO que vai na maquina? Só se isto influenciar na venda. No caso influencia a distribuição ter o custo R$0.

    Todo mundo sabe que é assim que funciona. Para quem vende é bem melhor colocar um Windows 7, mesmo que seja uma versão bem porca, vai vender bem mais sim. Supondo que se fizesse o teste apresentando ao mercado dois netbooks de mesma configuração e preço, sendo linux e windows. Quem venderia mais?

    Obvio. Uso linux no trabalho, em todos os meus servidores, estimulo o uso na empresa, mas não vou fantasiar argumentos de uso frente ao mercado. Não existe. Falta muita estrada ainda para de chegar a esse ponto.
  15. trx64
    Aí que está a questão: o Windows não é de graça. Para vender pelo mesmo preço, o fabricante teria que reduzir a sua própria margem de lucro.
  16. JOMARUMU
    Não vejo o linux como "a opção ao windows" nos netbooks, vejo como a opção ao valor do windows, tem netbooks por menos de R$ 700 (até menos) uma licença de windows 7 utimate é quase esse valor, o linux para mim é "o provisório", troque assim que comprar, eu não vou vender a licença junto e não quero saber como conseguirá.
    Já vi computadores (bons, Phenom, 4 Gb de ram, 250 HD) vindo com FreeDOS, não criticando esse sistema operacional, que é muito bom, até melhor que o DOS normal, por ser igual e grátis, o linux é o provisório, mas demora para instalar, poe o FreeDOS que em menos de 2 minutos instala.
  17. trx64
    Sim, esse é exatamente o objetivo de muitas distros de netbooks, mas acho que estão esquecendo o Moblin da Intel e o futuro Chrome OS do Google (quando sair o definitivo). Essas duas empresas não estão gastando todo esse dinheiro à toa, tem um objetivo mesmo.
  18. *PAULO*
    O preço do windows para netbook não tem influencia importante no preço, nem para desktop. Windows é caro comprado em loja de shopping e na versão box, e ultimate, versões mais simples como premium (OEM) é baratinha e fica mais baratinha ainda quando é comprado por montador de maquinas ou nets, acredito que algo em torno ou menos de 100,00. O que acho extremamente estranho é a comunidade linux permitir que empresa se enriqueçam as custas de um Free permitindo que maquinas de marca sejam vendidas oficialamente com impostos e todas as taxas de mercado e não seja pago nem um royalte a seus desenvolvedores, não consigo compreender isso apesar de saber de toda a filosofia empregada...
  19. Bit0N3
    bom, meu netbook, no dia que chegou, tirei o vista que veio nele e coloquei o linux.

    nem chegei a usar o vista que rodava bem nele, mas comprei pra por linux.

    o lance é que tanto faz, quem compra um micro joga la o OS que gosta e fim de problema.

    mas nao da pra negar que a cada dia a comunidade linux cresce mais.

    []'s
  20. apterix
    O meu asus 1101ha veio com windows xp home sp3 que imediatamente recebeu o ubuntu karmic 9.10 e logo depois o google chromium.

    Um amigo meu seguiu pelo mesmo caminho.

    Só instalei o seven nele porque o driver DXVA roda nativamente nele e eu poderia rodar vídeos em 1080p acelerado por hardware, porém o uso principal ocorre com o ubuntu karmic.