Logo Hardware.com.br
helton
helton Membro Senior Registrado
142 Mensagens 10 Curtidas

Erro de data/hora ao copiar arquivos do smartphone para o Linux.

#1 Por helton 04/11/2022 - 04:50
Precisei copiar umas músicas do smartphone para o notebook (Arch Linux/GNOME) e ao abrir o Lolypop, nenhuma música foi localizada. Acidentalmente, descobri que todas as músicas estavam com a data de 31/12/1969. Usei o comando touch para alterar as datas das músicas e o Lolypop as reconheceu imediatamente.

Então percebi que não só as músicas, mas todas as fotos e vídeos que são copiados do smartphone para o notebook estão sempre com essa mesma data, 31/12/1969.

Faço a transferência dos arquivos via cabo usb, montando o smartphone no Nautilus.

O smartphone é um Samsung A02S. O notebook é um Samsung Essentials e30.

E aí? Alguém já passou por isso e conseguiu consertar? Podem confirmar o problema?

Ambos os dispositivos estão com a data atual.
TRONNER
TRONNER Cyber Highlander Registrado
32.2K Mensagens 7.3K Curtidas
#2 Por TRONNER
04/11/2022 - 07:50
helton disse:
Precisei copiar umas músicas do smartphone para o notebook (Arch Linux/GNOME) e ao abrir o Lolypop, nenhuma música foi localizada. Acidentalmente, descobri que todas as músicas estavam com a data de 31/12/1969. Usei o comando touch para alterar as datas das músicas e o Lolypop as reconheceu imediatamente. Então percebi que não só as músicas, mas todas as fotos e vídeos que são copiados do smartphone para o notebook estão sempre com essa mesma data, 31/12/1969. Faço a transferência dos arquivos via cabo usb, montando o smartphone no Nautilus. O smartphone é um Samsung A02S. O notebook é um Samsung Essentials e30. E aí? Alguém já passou por isso e conseguiu consertar? Podem confirmar o problema? Ambos os dispositivos estão com a data atual.

Olha, eu deixei de utilizar cabos para isso há um bom tempo, prefiro instalar um app que tenha um servidorzinho FTP como esse [ https://play.google.com/store/apps/details?id=com.alphainventor.filemanager&hl=pt_BR&gl=US ] no celular e daí com um cliente de FTP tipo esse [ http://www.crossftp.com/screenshots.htm ] no computador/notebook faço a transferência dos dados.
Usando o WiFi que nem preciso estar perto, basta ter ambos conectados dentro da mesma rede para transferir literalmente qualquer arquivo entre ambos
cool.png**Quando pensar ser um Golias, cuidado para não encontrar algum Davi**
veja.png Conheça os Poderosos e Gratuitos [ Iperius Backup ] e [ Iperius Remote ]
veja.png Todo dia um software novo e grátis [ clicando aqui ]
boa.gif Faça valer a sua voz com o Mudamos+ { https://www.mudamos.org }
vanessa_os
vanessa_os Novo Membro Registrado
20 Mensagens 7 Curtidas
#3 Por vanessa_os
04/11/2022 - 17:42
Então, essa data 31/12/1969, é uma data padrão que Un*xes usam para definir timestamp em arquivos sem timestamp definida. Talvez o smartphone esteja com problemas em escrever uma timestamp que o Linux entenda, ou há algum outro problema interferindo na timestamp dos arquivos, e o seu linux "resolve" o problema inserindo uma data default.

Eu nunca passei por isso e estou aqui pensativa no q pode ser a causa, mas o mecanismo por trás dessa data misteriosa é isso, talvez essa info te ajude smile.png

Aliás, seu smartphone está configurado para atualizar data/hora automaticamente? Checa se há algum probleminha ou desconfiguração com o sistema de data e hora dele...
helton
helton Membro Senior Registrado
142 Mensagens 10 Curtidas
#4 Por helton
05/11/2022 - 07:30
vanessa_os disse:
Então, essa data 31/12/1969, é uma data padrão que Un*xes usam para definir timestamp em arquivos sem timestamp definida. Talvez o smartphone esteja com problemas em escrever uma timestamp que o Linux entenda, ou há algum outro problema interferindo na timestamp dos arquivos, e o seu linux "resolve" o problema inserindo uma data default.

Eu nunca passei por isso e estou aqui pensativa no q pode ser a causa, mas o mecanismo por trás dessa data misteriosa é isso, talvez essa info te ajude smile.png

Aliás, seu smartphone está configurado para atualizar data/hora automaticamente? Checa se há algum probleminha ou desconfiguração com o sistema de data e hora dele...


Sim, está com as configurações de data e hora padrões, para atualizá-las automaticamente. Aparentemente todas as configurações estão normais.

Outro problema que parece ter ligação com isso é que tenho um cartão MicroSD Sandisk 128Gb que usava normalmente no Linux para backup. Precisei espetar no smartphone, que o formatou e desde então o cartão não é mais reconhecido no Linux, somente no smartphone. Estou quebrando a cabeça com isso há duas semanas e não encontro nenhuma informação que me indique ao menos uma direção a seguir.

Obrigado por responder.

TRONNER disse:
Olha, eu deixei de utilizar cabos para isso há um bom tempo, prefiro instalar um app que tenha um servidorzinho FTP como esse [ https://play.google.com/store/apps/details?id=com.alphainventor.filemanager&hl=pt_BR&gl=US ] no celular e daí com um cliente de FTP tipo esse [ http://www.crossftp.com/screenshots.htm ] no computador/notebook faço a transferência dos dados.
Usando o WiFi que nem preciso estar perto, basta ter ambos conectados dentro da mesma rede para transferir literalmente qualquer arquivo entre ambos


Uso os cabos há anos, nunca houve nenhum problema. Não há motivo para suspeitar que sejam os cabos. Sigo pesquisando outras possibilidades.

Obrigado por responder.
andremachado
andremachado Highlander Registrado
3.3K Mensagens 2K Curtidas
#5 Por andremachado
05/11/2022 - 10:55
Se você formatou o cartão como armazenamento interno, é normal ele não poder ser lido em outros computadores, pois o mesmo foi criptografado com uma chave única, ou seja, só poderá ser lido no smartphone em que foi formatado.
56 6F 63 EA 20 E9 20 6D 75 69 74 6F 20 63 75 72 69 6F 73 6F 2E 2E 2E
----------------------------------------
Acer Aspire E5-471-30DG (Casa)
Samsung Book 550XDA-K07 (Trabalho)
helton
helton Membro Senior Registrado
142 Mensagens 10 Curtidas
#6 Por helton
05/11/2022 - 14:46
andremachado disse:
Se você formatou o cartão como armazenamento interno, é normal ele não poder ser lido em outros computadores, pois o mesmo foi criptografado com uma chave única, ou seja, só poderá ser lido no smartphone em que foi formatado.


Tem como reverter isso?

Edit:
Acho que isso se aplica apenas quando se codifica o cartão, não por questões de formatação.
Em todo caso, essa parte do cartão eu consegui resolver agora a pouco: uma máquina com Windows reconheceu o cartão e então foi só formatá-lo em exFat. A máquina Linux passou a reconhecê-lo novamente.

Obrigado por responder.
© 1999-2024 Hardware.com.br. Todos os direitos reservados.
Imagem do Modal